Rádio Cantareira Blog Rede Brasilândia Solidária recebe doação de máscaras do Instituto Sou da Paz

Rede Brasilândia Solidária recebe doação de máscaras do Instituto Sou da Paz



A Campanha “Máscaras para a Brasilândia”, lançada pela Rede Brasilândia Solidária, ganhou importante apoio do Instituto Sou da Paz. Ao todo, o Instituto está doando 62.865 máscaras para o distrito da região norte da capital, sendo que 12.365 serão distribuídas, a partir desta segunda-feira (01), pela Rede Brasilândia Solidária, para 20 entidades sociais que atuam na região.

Entre as entidades, está a Associação dos Moradores da Favela Jardim Vista Alegre, que recebeu 500 máscaras nesta segunda-feira. A diretora da organização comunitária, Elisabete Lima, salientou a importância da doação, “as máscaras chegam num momento oportuno, quando precisamos ajudar as pessoas a se cuidarem e cuidarem do outro”. (foto anexa)

A doação beneficia muitas famílias que não têm condições financeiras para adquirir o artigo de proteção, indispensável durante a pandemia, que atinge com mais letalidade as periferias brasileiras.

No dia 19 de maio, a Rede Brasilândia Solidária também recebeu a doação de 100 mil máscaras do Banco Daycoval ,que foram entregues para as UBSs (Unidades Básicas de Saúde) da região. Agentes de saúde estão distribuindo as máscaras para a população, sempre com orientações sobre o uso correto e a importância do isolamento social.

Costureiras Solidárias:


Outro grande importante apoio vem das 20 costureiras voluntárias, que estão confeccionando máscaras com doações de tecidos e elásticos recebidos por meio da Campanha “Máscaras para a Brasilândia”. Muitas voluntárias nunca tinham costurado para outras pessoas, fora da família, mas sentiram a necessidade de ajudar a região com maior número de mortes por Covid-19 em São Paulo.

A Rede Brasilândia Solidária é uma rede horizontal de enfrentamento da pandemia, com mais de 300 voluntários, que vem se constituindo desde a segunda quinzena de março, encabeçada por lideranças locais e, hoje, em articulação com representantes da Saúde, Assistência Social, Segurança Pública, Cultura, Educação, dentre outros. Qualquer pessoa ou organização pode participar deste Coletivo. O momento deve ser de união e solidariedade.

Outras Ações e Reivindicações da Rede


Espaços Públicos para Isolamento: reivindicação junto à Secretaria de Saúde Municipal sobre a formação de espaços públicos de isolamento para pessoas assintomáticas e que tenham sintomas leves, para acompanhar o estado clínico e evitar a contaminação de mais pessoas na Brasilândia. A testagem em massa também é outra pauta.
Faixas nas ruas: com a doação de recursos a Rede conseguiu produzir 100 faixas de alerta e prevenção que estão sendo colocadas nas ruas do distrito.
Alertas:carros de som e trios elétricos estão circulando pelas ruas para conscientizar as pessoas sobre o perigo do coronavírus.
Arrecadação de Alimentos: A Rede Brasilândia Solidária está recebendo doações de cestas básicas e alimentos que são entregues às famílias que necessitam, as que já têm cadastro com entidades que participam do coletivo e as que procuram ajuda.Também há uma conta bancária para receber doações.

Texto: Nilma Padilha – Rede Brasilândia Solidária.

Facebook Comments

Tags:, , , , , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Follow by Email
Facebook
Facebook
Twitter
Visit Us
Instagram